Powered by Blogger.
RSS

Noite...



Abro as janela para que entrem as estrelas
e vejo por toda a parte a sombra do teu vulto
o vento desfolha os meus sonhos
segue-me a noite e os meus desejos...


Amo a noite
porque é na noite que te amo
a fome que sinto é de ti
na memória do teu corpo
noites sem fim...

Nas minhas mãos vazias continuas
em noites de amor sem o teu corpo
não vem de ti esta tristeza
mas se não sonho
a solidão fá-lo por mim...

Manuel Marques (Arroz)

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Porque escrevo?

Foto: Carlos Saramago


Escrevo
Para que a alma se solte
Das amarras
Que o corpo tem.
Para que os ruídos inventados,
Em silêncio se transformem,
Deixem de ser o grito
O que se impõe
Sobre o silêncio que não entendo
Escrevo
Para que a Vida
Me saia pelos dedos.
E assim seja.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

HOMEM




Lendo no livro

Que conta a história da humanidade,
Encontrei uma parte mal explicada;

O criador do planeta,
Lá bem no início definiu o seguinte,
O homem do planeta terra será assim;

Será capaz de sentir o perfume de uma flor,
Admirar a natureza,
Os pássaros com suas criações tão originais.
A perfeição das flores,
Com formas e cores que só Deus poderia ter feito...
O homem vai admirar o mar,
A areia, as estrelas do mar, todas...

O homem não será capaz de oprimir
O seu semelhante e complementa;

O homem não irá contrariar
Qualquer das Leis de Deus,
Os animais irracionais serão amigos
E auxiliares dos homens.
Porém os animais racionais,
Deverão seguir o exemplo dos homens!

Para aprenderem logo,

“Como deve ser um “Homem.”




DJALMA         

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Ser feliz


Calma a mente
Abre o teu coração
Deixa-te só Ser

Isa Lisboa



Guarda no olhar
Pureza da infância
Agora e sempre

Dulce Morais


Sacia  intelecto
Pondere as emoções
eleve uma prece


Claudiane Ferreira


Foto: happy_flowers, by Prawny

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Soneto de desejo

Tua face atordoa minh' alma...
E tira-me a calma...
E enlouque meus olhos que te desejam...
Todos os cantos do meu corpo te almejam...

Espécie grotesca de desejo...
Que implora o último beijo...
Quero me conjugar com tua alegria.
Saltitam anjos com tu que és meu dia...

E a noite consuma a alma
E leva consigo a calma...
De uma suposta utopia...

E no fim eu vejo...
Que não foi um gracejo...
Agora é amor e alegoria...

Josué Brito e Jhordany Siman 


 
Imagem da Web

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

LUA NOVA




Noite ofegante por falta de luz.
Lua respirando um ar frio e úmido.
Calçadas desertas sem despertar anseios.

Bares cobertos em sombria solidão.
Ausência  no calor que se falta.
indiferente no teclado ferido,
As digitais  impressas se apagam

Um dia mais, um dia a menos na perdida caminhada.
Mudos gritos espalham em total desespero.
Perguntas formulam a dormida consciência.

E tudo vagueia mum definir vazio.
Uma ausência por mais sentida,
Em uma presença por mais perdida.

mochiaro


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Aos Cravos

Celeste Caeiro - Imagem da Web - "Celeste do Cravo"















Se não puder tirar da boca o pranto vencido,
Incontido nas amarguras da própria querença...
Se não puder levantar minha própria bandeira
E ter a liberdade de errar sem ser condenado...

Caso não se possa cantar as próprias canções
Que digam as verdades ou até mesmo as mentiras,
Desde que me convençam... se não puder bailar
Sozinho sem bailar com ninguém...

Correr sem olhar o rumo e afirmar que existem
Imensos caminhos... dizer que todas as verdades
São invenções e que a história não passa de opinião
De alguém que desmanda o próprio mando...

Graças aos cravos guerreiros, hoje a liberdade
Habita em todo Tejo há um desejo e o poder
De dizer que se pode viver a própria vida...

Nos vermelhos daquele sangue...
De 1975... a memória ainda guarda a felicidade
Da luta, pois só vale o grito lutado... o grito
Libertado do grande Portugal mais que
Querido...

A minha sincera homenagem a todos os amigos lusitanos, que há 40 anos deram ao mundo um grande exemplo da força que possui o povo e como uma revolução pode ser realizada sem se derramar uma gota de sangue! Viva a Revolução do Cravo! E viva Portugal!!! 

Josué Brito 

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Indefinição



Risco no vazio
Branco do papel
Defino a direção
Sem Ida ou Volta

mochiaro

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

PONTO



Ponto

Final

Cheio de conteúdo

 Mortal na Esperança.

mochiaro


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

DESCONECTADO


DESCONECTADO

Estava desconectado,
estava num Deserto todo Estrelado,
lá onde Tudo é Nada
e Nada é Tudo.
Então fico sabendo, aqui na Terra Tupiniquim,
campo fértil da Hipocrisia, tanta melancolia,
todos indignados com a “ Pena de Morte “,
lá na Indonésia, a que foi submetido
um Tupiniquim “ Cavaleiro do Apocalipse “
pego desta vez, repetindo, desta vez,
novamente, desta vez, traficando, contrabandeando,
15 quilos de “ Pó da Morte “,
e após , tal figura, ser capturado,
e então ser julgado,
e depois ser sentenciado,
finalmente foi fuzilado,
eis que as declarações, a respeito, aqui no Brasil
foram as mais diversas, e de todas a mais perversa,
foi a que vi na TV de uma dourada especialista
em direito internacional, causídica Midiática,
defensora dos “ frascos & comprimidos “
que alegou que os 15 quilos de “ Pó da Morte “
que o Tupiniquim “ Cavaleiro do Apocalipse “
traficava, contrabandeava, seria para uso próprio,
provavelmente seria verdadeiro,
eis que tal figura teria narina de Dragão,
para tanta aspiração, quanta indignação.

Mas há outro digno Dragão brasileiro,
também pego na Indonésia contrabandeando “ Pó da Morte “,
que esta trancafiado aguardando execução,
que agora em uma perversa manobra advocatícia,
tornou-se esquizofrênico, esperando alforria,
entretanto quem lida com esquizofrenia,
sabe que tal alegação é uma heresia.

Pois é, no no Brasil da Hipocrisia,
não tem “ Pena de Morte “,
que o diga os “ PPPs “,
que não são as corruptíveis
“ parcerias publico privada “,
estas que tem muito “ privada “ pra pouca iniciativa.

Mas sim esta se falando dos
“ Pobre, Pretos & Putas “
que vivem nos rincões das periferias,
onde são, desrespeitados, vilipendiados,
abusados , oprimidos e desacatados,
pelas tais autoridades policias,
que não se sabe são mal formadas,
ou formadas para serem malvadas,
que quando estas se encontram com a bandidagem,
na ansiosa luta por território,
inevitável ocorrer a fatal bala perdida,
que ocasionara a trágica perda de mais uma inocente vítima,
que será velado em mais um triste velório.

Enquanto isto, no restante da cidade sem policiamento,
pode ser enfrente a qualquer estabelecimento,
na frente de uma moradia,
na rua sem iluminamento
e no transito sem gerenciamento,
que todo dia se torna um imenso estacionamento,
do nada aparecera, tranquilo e matreiro,
um “ noia “ delinquente, demente, dependente,
de miolo fritado,
que fará de um cidadão, mais um assaltado,
e se houver deste, um mínimo vacilo,
entrara na estatística de mais um fuzilado.

Pois é, não tem “ pena de Morte “
no Brasil da Hipocrisia, imagina.

Acho que vou, novamente, me desconectar
vou voltar pro Deserto Estrelado,
lá onde nada é tudo,
e tudo é nada.

Marco Aurelio Tisi
( 24/04/2015 )

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

No teu corpo a noite é um silêncio cheio de esperança...


Entre o navegar do sono e da memória procuro-te
no meu sonho tu flutuas
pernoitas em mim ...

No teu corpo a noite é um silêncio cheio de esperança
noite de lua,nua
de amor onde me deito com teu corpo de luz...


Manuel Marques (Arroz)

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

A DEFINITIVA DIVINA COMÉDIA




Começou há alguns bilhões de anos,
Depois surgiu um verme...

Após mais alguns bilhões de anos,
Apareceu um ser desajeitado,
Meio macaco meio rato e muito covarde
Que foi chamado de ser humano...

Procuram a felicidade no prazer!
Gostam da vida fácil e da sacanagem,
Amanse de todas as formas imagináveis...
Ah, que felicidade!

“Porém Deus na sua infinita bondade,
Perdoou outra vez...”

Meu amor perdoou setenta vezes sete!
Nós gostamos do que é bom...
Mas como somos irmãos tudo é também nosso.
Inclusive as responsabilidades,
Isso é fácil é só seguir as mensagens...

“Respeita a Deus sobre todas as coisas,
E a o teu próximo como se ele o fosse...”

E agora o que faremos fogo ou água?
Melhor fogo é mais quentinho...
O fogo apaixonou-se por nós pobres mortais,
Hoje um pouquinho à cima de um chimpanzé...
Simples animais meio racionais,
Vermes indecentes, prejudiciais...

Porém o homem que queria ser Homem,
Continua sendo mais um verme exibido e colorido.
Mais um homem! Quase inútil, um...

Dona Eva lembra o início?
A serpente arrasta o ventre,
O homem sofre eternamente...
No ventre a serpente leva o filho,
Para sofrer como o tal Adão.

Porém como somos irmãos e Deus é Pai...
Vamos dividir a nossa felicidade,
Que é tão triste ainda.

Deus fez o homem à sua imagem...
Eu disse imagem, não igual!
A nossa conversa já esta no fim,
Deixa eu mexer mais um pouquinho?
A ferida fedorenta hipócrita!

A imagem é só o reflexo, lembra?
Tu não apareces, não reflete.
Verme que infecta a terra,
Que destrói a vida, a natureza,
Os animais racionais e irracionais, tudo!

Vivem em busca de prazer,
Ignoram ser a obra mais importante da natureza.
Querem ser só um cofre para guardar valores...
Valores que não tem valor nenhum no universo.
Humilham os exemplos de humanidade,
Matam inocentes em nome do amor,
Acham-se espertos e inteligentes...

Pensam que assim medidos,
Pelos bens que amontoam,
Podem comprar vermes melhores,
Para comerem as suas carnes podres...

Comem por sua vez cadáveres,
De outros animais semelhantes,
Para que o castigo se cumpra!
Enquanto a ilusão não deixa
Os olhos verem a verdade...                                   



                          DJALMA        15/11/06


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

O Que Vemos Na TV

A TV não se cansa e dizer 
De que Deus não existe,
Em cada caso faz parecer
Que alguém sempre desiste!
De acreditar e de confiar
São novelas, seriados e filmes...
Não se cansam de propagar
Sua inveja e seu ciúmes...
Mas o que realmente acontece
É exatamente o contrário!
O mundo eleva sua prece
De um modo extraordinário!
E eu fico aqui pensando
O por que de tanto empenho
Enquanto uns se ajoelhando
O outro lado diz: Desdenho!
Filmes de bruxas e de vampiros
De exorcismo causando terror
Mas rejeitam velhos papiros
Rejeitam o livro que fala de amor!
Ah mundo, o que tenho eu contigo?
E emissoras de jornais, desenho TV?
Tentam criar um mundo mais que perdido
Para os teus filhos crescerem odiando você.
Osny Alves

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Eu rio


Eu rio.

Eu rio de medos
Eu rio de defeitos
Eu rio de palavras.
Eu rio de minhas amarras.

Quem sabe um dia

 Eu seja um oceano.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Caso de amor

Tenho tantas coisas para falar em seu ouvido...
Tantas coisas para pensar ao ver seus olhos...
Sentir sua mão e ir ao paraíso... Aconchega-me
Com o carinho dos seus lábios...

Olhar para sua face fulgurante... e sentir
Uma vontade imensa de me perder... e de
Reencontrar-me de novo como uma só
Carne... um espírito unido ao seu...

Dizer verdades e mentiras, coisas que acredita
A emoção e mesmo que a razão duvide ser
Possível... voar entre seus braços, sentir
A mais profunda imagem da ilusão...

Quero não ter que contar as horas... nos
Segundos encontrar a eternidade... produzir
No seu peito uma estranha, louca e imensa
Saudade...

Fazer sentido todas as juras... jurar as promessas
Já realizados... entre o firmamento e o solo,
Apenas uma aquarela, apenas tudo que
Vale a pena se chamar de amor...

Josué Brito


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Olhar o mundo como quem descobre o novo



                                                            Imagem: Claudiane Ferreira

Os homens, não distinguindo entre o necessário e o desnecessário, deixam de lado o necessário e, em troca, se ocupam, se complicam e se enredam sem fim com o não necessário"

                                                             Johann Amos Comenius


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Amor sertanejo

Imagem da Web
Pensei em pegar uma gota de choro
Das árvores sertanejas... Um pouco
De terra que nunca dantes foi pisada...
E um vento que tivesse destino...

Juntar todos esses tesouros com uma
Viola mal afinada e que nunca tivesse
Sido tocada...

Pensei em pegar um pássaro que
Ainda dentro do ovo jamais vislumbrou
O mundo... e uma erva que nunca foi
Tocada e uma flor que tivesse o primeiro
Perfume...

Talvez uma rocha que ainda não foi
Esculpida pelo tempo e tudo que há
De puro no coração de uma criança...

Com todos esses elementos no pensamento,
Com os dedos sujos de terra vermelha
Comecei a escrever este poema na casca
De uma palmeia para dizer que te amo! 

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Teu corpo,meu sonho nu...

A noite, caindo em silêncio
vai povoando a minha solidão
tudo se veste da cor dos teus olhos
a Lua a noite
os sonhos...


Fica-me na boca o crescente desejo de te beijar
teu corpo , meu sonho nu
hoje reservo a noite inteira para te amar...

Manuel Marques (Arroz)

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

MINHA CANÇÃO


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Olhares que intuem





Serigrafia- Claudio Tozzi


"O homem não é uma forma fixa e duradoura; é antes um ensaio e uma transição, não é outra coisa senão a estreita e perigosa ponte entre a natureza e o Espírito"1 



Debruço-me

vida
vinda
ida

Questiono-me
intuição corre solta pelos prados
o agir por vezes tropeça...

Quantas vezes ainda
* deletarei degraus?
*permitirei que a parte egoísta de meu ser turbe minha visão?

Necessária  é a coragem de 

* encarar o espelho espiritual
* despertar do torpor


Uma letra desenhada atravessa... 

Eu preciso, tu precisas, ele precisa, nós precisamos compreender

" Compreender que ninguém é maior que ninguém. Sentir isso. Praticar o auxílio ao outro. Remamos todos no mesmo barco. Se não nos esforçamos juntos, ficaremos solitários"


Avançar nem sempre significa saber onde vamos, ou pelo menos nem sempre conhecemos exatamente o nosso destino. Afinal o importante nem sempre é o último passo, mas todos aqueles que fizemos durante a caminhada.


"É preciso alcançar um estado novo, para se encher de amor, caridade e simplicidade, para sentir a pureza, para livrar do medo crônico" 

Há momentos em que o coração nos impele a cumprir algo, a tomar ações que nem sempre compreendemos mas, por mais estranho que pareça cumprimos mesmo sem compreender.

Debruço-me!

Claudiane Ferreira e Dulce Morais




(1) Herman Hesse, in O Lobo da Estepe

(2) e (3)  Espíritos mestres, in Muitas vidas muitos mestres . Drº Brian L Weiss

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Descobrindo-me

O texto abaixo foi uma participação num concurso de um site online em 2011, onde "interpretei" uma adolescente. Gostei!
JGCosta





Não sei se sou normal, algumas vezes acho que sou, em outras nem tanto.
Deve ser essa fase – longa demais – de adolescência que passo, pois segundo meus adoráveis pais – sim, eles de fato são maravilhosos, não estou sendo sarcástica – vivem me dizendo que quando eu chegar aos 18 compreenderei melhor tudo que eles pregam hoje e que para mim é tão difícil de seguir, afinal são regras sem fim existentes para todos os lados em que eu olho.
Para ser sincera, tudo isso me sufoca! Principalmente quando as regras tendem a versar sobre o amor – ah, proibido e delicioso amor, se ainda não o tivesse sentido aqui dentro de mim...
Às vezes, à noite, eu penso em fugir. Mas fugir para onde? Além do mais não é assim que eu espero me recordar dessa época e por mais que o desejo de desaparecer viva se materializando em minha mente, o carinho que tenho por meus pais é imenso e só de pensar em decepcioná-los uma tristeza muito grande me invade, maior até que o desejo de me tornar definitivamente independente.
Eles vivem repetindo que confiam em mim, que querem que eu me torne uma adulta responsável, mas na hora de me darem um pouco mais de liberdade, batem novamente as algemas. Como é então que vou aprender o que de fato é bom ou ruim, se aparentemente fazem tudo por mim?
E ainda por cima querem comandar até mesmo o meu coração! Será que daqui a um ano quando eu atingir a maioridade, como num passe de mágica vou passar a ver tudo de forma diferente, fazer as melhores escolhas, amar as pessoas certas, encarar meus desafios mais seriamente, tudo de um momento para o outro?
Como? Se ainda não sei quais sãos os melhores caminhos a seguir, se ainda não interagi livremente com as pessoas para poder formar opiniões, se ainda não me entreguei plenamente para o homem que eu amo?
Será que toda a teoria que estou aprendendo vai fazer alguma diferença na hora da prática ou será que, como as pessoas normais, vou acabar mesmo errando para aprender?
São muitas perguntas e poucas respostas, e é muita coisa para a minha cabeça.
Quer saber, creio que isso é mesmo o mal da adolescência, vem um milhão de novas informações e sensações, de uma só vez e desesperadamente queremos enfrentar e sentir tudo, na mesma velocidade em que essas novidades nos são apresentadas e isso é infinitamente impossível.
Acho que vou ouvir os meus pais e deixar que o tempo responda a todas as minhas dúvidas. Ao menos vou tentar...

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Essência

Foto: Autor não identificado


Toco o Vazio

Envolvendo-me o Todo


E juntos são Eu

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

DESCONHECIDO CONHECIDO.

DESCONHECIDO CONHECIDO
(Por Maristela Ormond)
 
planeta azul.ning.com
Às vezes sinto saudades,
De algo que nunca vi.
Algo que acredito, desconheço,
E suponho que nunca vivi.

Não sei dizer o que é,
Também não me traz tristeza
Só um sentimento sutil,
Que exprime rara beleza.

Sinto que existe algo além,
Do mundo a que hoje pertenço,
Sinto que alguém me ama.
Muito mais do que eu mereço.

Por isso me sinto segura,
E guardo essa emoção,
De sentir saudades e amar,
E guardar em meu coração.

E quando isso me vem,
Fico plainando no ar,
Porque sei que recebo amor,
E o que devo fazer é amar...




  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

POR QUE JESUS CURAVA?


Crédito da imagem:  Vladimir Kush


Usando a Bíblia como referência, tentaremos responder a esta pergunta. Iniciemos com outra indagação: Jesus veio ao mundo para curar as pessoas ou para perdoar seus pecados?
Esta é uma boa pergunta e eu tenho pensado muito nela. Lendo a vida de Jesus, narrada em todos os evangelhos, a primeira coisa que salta aos nossos olhos é que eles falam dos sinais e das curas feitas por Jesus. Mas será que é só isso? Por que é dada ênfase às curas que Jesus realizou?
Eu penso que o texto encontrado nos evangelhos de Lucas (5: 17-26) e João (6:2), nos fornecem a resposta para tal questão.
Esta passagem conta-nos que, certo dia, estava Jesus ensinando ao povo. Estavam também lá, os fariseus e os doutores da lei. Quero lembrar que eram estes últimos que ensinavam a Lei de Moisés ao povo e nos quais o povo acreditava. Eram eles que detinham o poder naquele tempo.
Pois bem. Neste dia, chegaram alguns homens trazendo 'numa cama, um homem que estava paralítico'. Os amigos que o traziam não conseguiam chegar até perto de Jesus, pois, como sempre acontecia, era grande o número de pessoas que queriam ser curadas por Ele. Parecia impossível aproximar-se de Jesus. Ora, como resolveram o problema? Foi simples! Subiram no telhado e depois de retirarem algumas telhas, desceram a cama em que se encontrava o paralítico e o colocaram diante de Jesus. Brilhante ideia, não é verdade?
Porém, não foi a 'brilhante ideia' que chamou a atenção de Jesus. O que lhe chamou a atenção foi ' a grande fé que eles tinham'. Diante de tamanha fé, Jesus disse: 'Homem, seus pecados estão perdoados.
Apenas disse isso. Cumprira sua missão. Para isto fora enviado ao mundo: para perdoar pecados. Porém, Jesus percebeu que os doutores da Lei e os fariseus - os guardadores da Lei - disseram 'Quem é esse, que está falando blasfêmias? Ninguém pode perdoar pecados, porque só Deus tem poder para isso!'.
Então, ouvindo isso, Jesus tomou a palavra, e disse: "Por que vocês pensam assim? O que é mais fácil? Dizer: 'Seus pecados estão perdoados. Ou dizer: 'Levante-se e ande? '. Pois bem: para vocês ficarem sabendo que o Filho do Homem tem poder para perdoar pecados, - disse Jesus ao paralítico - eu ordeno a você: Levante-se, pegue a sua cama, e volte para sua casa." E foi o que o homem fez: pegou sua cama e foi para casa, louvando a Deus. E o que disseram os doutores da Lei e os fariseus? - "Hoje vimos coisas estranhas." Imaginem! "Coisas estranhas!".
Fico a imaginar-me numa situação parecida, isto é, se eu tivesse que responder a pergunta de Jesus sobre o que seria mais fácil dizer, eu diria: 'seus pecados estão perdoados', do que dizer ao paralítico: 'levante-se, e vá para casa'. E por que seria mais fácil eu dizer: 'seus pecados estão perdoados'? Ora, porque se eu dissesse: 'levanta, toma tua cama e vai para casa' - ele não sairia dali, não se mexeria; paralítico estava e paralítico continuaria. Além do que, as pessoas morreriam de rir de mim! Mas, se eu dissesse que os seus pecados estavam perdoados, a pessoa iria embora e ninguém nunca saberia se eu, verdadeiramente, tinha este poder, o poder de perdoar pecados. Além do que, provavelmente, ninguém riria de mim. Pois era para isso que Jesus curava as pessoas. Somente por isso. Para que acreditassem que Ele também tinha poder para perdoar pecados. Até Tomé, que certamente presenciara muitas curas feitas por Jesus, precisou tocar em suas feridas para crer que Jesus ressuscitara.
Sempre que leio esta passagem bíblica, fico a pensar que somos exatamente iguais àquelas pessoas que viveram na época em que Jesus viveu aqui na terra. Precisamos ver algo de concreto, de material para crermos em Jesus. Não nos convencemos que o perdão dos pecados é o mais importante. Mas por que não nos convencemos disso, assim que Jesus nos perdoa os pecados? Porque ficamos esperando algo de concreto, um sinal material acontecer em nossas vidas. Acontece que a cura de uma doença vem na hora, nós a vemos acontecer. Ao passo que a confirmação de que nossos pecados foram perdoados - apenas parece -, demora um pouco mais. Os frutos deste perdão vão aparecendo aos poucos em nossas vidas transformadas.
Uma árvore boa produz bons frutos... No seu devido tempo.
O que é mais fácil dizer?


 E.P. Gheramer
Site do Autor|: Palavras ao Vento


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

VOCÊ



Você me permite,
Posso ocupar um pouco do seu espaço?
Por favor, se não quiser é só me olhar,
Acredito no que seus olhos falam...
Mas preciso dizer que me encantei!
Os teus olhos me atraem...

Por favor,
Posso ocupar um pouco do seu coração?
Se não quiser é só falar.
Confio nos seus sentimentos...
Mas preciso dizer que sinto muito!
O teu corpo me enlouquece...

Essa vontade de abraçar, beijar, me sufoca!
Afinal, posso ocupar um pouco da sua vida?
Por favor, se quiser é só fechar os olhos.
Confio na sua atitude...
Mas preciso dizer que tenho receio,
Pois não haverá outra vez!

Você demorou muito e estou com pressa,
Preciso encontrar alguém que ainda não conheci,
Para acalmar a minha solidão...
Mas esse ser existe, até podia ser você!
Se Ela não fosse você, você bem que podia ser Ela!
Porém como tudo isso é fruto só de um pensamento...

Vamos fazer um final feliz;
Você é Ela e você sempre foi você.
Então me olhe bem, não diga nada...
Olhe para a janela da alma,
Onde se pode sentir a essência, o aroma!
Depois sinta um afeto sem interesse,
Só o contato de um ser com outro ser...

Talvez seja bom te conhecer,
Afinal serão tantas as partidas,
Para tornar mais perfeito os nossos reencontros...
Você poderia ser uma amante perfeita,
Concebida sob encomenda pela minha imaginação,
Com todas as qualidades necessárias,
Para a minha satisfação completa!

Você por acaso não queria ser só minha?
Assim terá em mim um pedaço do universo,
Para conhecer quando quiser.
Garanto que não vai se arrepender...               


  DJALMA       

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

O VIAJANTE




Continuo a minha eterna procura,
Viajando como a luz...
O meu corpo se transforma,
Ocupa espaços diferentes,
Sempre com a mesma razão,
Encontrar alguém que não posso esquecer...

O ser humano vai criar máquinas,
Vão fazer a mesma coisa
Que faço há tanto tempo...
Preciso te encontrar estrela da vida!
Vem para mim, te preciso para ser normal...

Enquanto isso eu sigo meu destino,
Provando mulheres como se fossem flores,
E eu, quem sabe um errante beija-flor,
Apaixonado por tão pouco tempo,
Que se limita a provar uma,
E voar logo para outra...

Batendo recordes de paixão!
Sem encontrar a única,
Capaz de eternizar a satisfação,
De saber que tem coração
E ter certeza de não estar só,
Neste mundo irresponsável e desonesto...

                                  
     DJALMA      

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Publicações populares