Powered by Blogger.
RSS

Delusão



Imagem: Claudiane Ferreira


Delusão

Ave poesia
cheia de pirraça
a interpretação é contigo
bendita sensibilidade
Ave a intemporalidade
e o fulgor!
Salve a compaixão
e a impermanência!
Amém!


Claudiane Ferreira


Delusão foi inspirado em "Ave alegria" da Sylvia Orthof

Ave alegria
cheia de graça
o amor é contigo
bendita é a risada
e a gargalhada!
Salve a justiça
e a liberdade!
Salve a verdade
a delicadeza
e o pão sobre a mesa!
Abaixo a tristeza!
Ave alegria!

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

REMINISCÊNCIAS



REMINISCÊNCIAS
(Por Maristela Ormond)



Imagem retirada da web
Quantos abraços deveria ter dado,
Quantos beijos e risadas gostosas
Ao invés de ter ficado chateada.
Quantos carinhos e rodinhas nos cabelos...
Quantas comidas gostosas deveria ter feito.
Quantas travessuras coloridas,
De risadas até doer a barriga.
Quanto amor desperdiçado,
Escondido na falta de tempo.
E o tempo foi perdido e não mais encontrado.
Assim como você,
Que não encontrei mais quando tinha tempo...
O tempo acabou...
E não deixou de correr.
Correu de mim e de você.
Transformou-te em luz e sua velocidade
Não pude mais alcançar...
Não sei a velocidade e o tempo da luz,
Mas a Luz sabe que o meu tempo é lento.
Lento como meu pensamento,
Que só acordou depois de tanto tempo,
Depois de tanta saudade que senti nesse meio tempo...



  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

BEIJA A FLOR



Beija a Flor!
Sorriso liberto por sentir em teus olhos
O néctar do amor
O gosto do desabrochar
O fogo que aquece tua alma
Tua delicada pele que acaricio
Delicada e pacientemente
Suspendo o desejo de te beijar
Por te saber longe e tuas asas
Voarem livremente para horizontes
Povoados por outros amores
Minhas tentações jamais serão as tuas
Minha paixão é apenas isso…
Paixão pela vida,
E como colibri sou
Toco delicadamente todas as vidas
Que comigo cruzam olhares
Pelo menos uma vez …
Numa qualquer primavera da vida!





  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

INSALUBRIDADE


INSALUBRIDADE

Maria, esta com sua linda filha
“ Olhos Amendoados “,
com um forte resfriado.

Sai de casa de madrugada,
pra ficar na fila do posto de saúde,
na esperança de pegar a senha,
com a expectativa de alguma solução
pra “ Olhos Amendoados “ provenha.

Mas Maria, nem imagina o que lhe espera,
no posto de saúde, não haverá nenhuma quimera.

Pois não é todo dia que tem pediatra,
nem muito menos geriatra,
e sabe se lá se terá clinico geral,
imagina pra quem precisa de pré natal.

No poste de saúde, não tem medico
todo dia, porque tem a tal da insalubridade,
é uma estratégia corporativista,
que é a mais pura maldade.

Como no nosso pobre Pais,
tudo é seletivo,
até a insalubridade,
esta neste contexto inserido.

Não há médico que entra no P S Municipal
as sete da manhã e saia as seis da tarde,
e a desculpa é a tal da insalubridade.

Mas este mesmo médico,
“ vai “ no PS municipal de manhã,
no hospital estadual de tarde,
e no plantão do Federal a noite,
tudo no mesmo dia,
porque a tal insalubridade é seletiva.

Em consequência, “ eles “ não atendem ninguém,
e Maria volta pra casa com “ Olhos Amendoados “
sem que tenha sido diagnosticado.

É assim que é a tal da medicina,
por conveniência corporativa,
não há a minima disciplina.


( 24/05/2016 )


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

No teu corpo recomeça o mundo...

De  onde vem a tua voz que me rasga por dentro
tu vens fundes o teu corpo no meu
quando te beijo é longa e profunda a noite
meu poema é amor volúpia ardente..

Tateio no escuro o amor que procuro
encontro no sonho a razão da existência
no teu corpo recomeça o mundo...

Manuel Marques (Arroz)

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

PUDOR


PUDOR

Maria tem Mestrado,
resolveu fazer Doutorado,
tem uma linda filha
de lindos Olhos Amendoados.

Olhos Amendoados,
esta na mais linda fase da vida,
Ela esta na fase de Amamentação,
mas, acredite, por causa disto,
Maria sofre perseguição.

Onde Maria mora não tem creche.
Carência municipal,
mas claro, tal creche
foi uma não cumprida
promessa eleitoral.

Então Maria leva “ Olhos Amendoados “
a tiracolo,
não há como ser outro o protocolo.

Na maior Universidade do Pais,
não consegue vaga na creche de lá,
porque não tem Q. I..

Leva “ Olhos Amendoados “ na aula,
e inevitável, tem que amamenta – la,
entretanto o “ professor “, por tal ato,
a expulsou Maria da sala.

Disse a Ela que tal ato
era um atentado ao pudor,
ignóbil letrado,
não teve sensibilidade,
pra perceber, na verdade,
que tal ato. É um ato de AMOR.

( 19/05/2016 )

   

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Só me resta o tempo, para que não se acabe o nosso tempo...

No silêncio da minha própria voz
fico aqui sentado chorando cada lágrima
e de memória em memória atravesso o nosso amor

Agarro-me ás ilusões
recordo os olhares e os sonhos
só me  resta o tempo, para que não se acabe o nosso tempo...

Manuel Marques (Arroz)

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Recrio o amor no teu corpo...

Recrio o amor no teu corpo...
0 brilho dos nossos olhos são a razão do nosso amor
mas são as saudades que me entristecem
olho-te de novo e tu olhas para mim...

E nos passos do silêncio da noite
recrio o amor no teu corpo
é o que resta de mim em ti ...

Manuel Marques (Arroz)

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Buscando o sentido





" Aquilo que sentires encontrará por si mesmo o seu caminho"

                                                                                 Kerouac


Na dança
cigana
da vida
em versos
celebro
momentos
lançando
olhares
pulsantes.

Na dança
cadência
do tempo
saudades,
lembranças,
rugas
marcantes

Claudiane Ferreira










  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

METAMORFOSE


METAMORFOSE

Ele mora na Favela,
que agora se chama Comunidade,
mas lá ninguém sabe a sua identidade.

Ele é Afro Descendente,
e sabe como e triste, tanto Ele como os Seus,
sofrer na pele o preconceito de tantos dementes.

Ele tem um lindo casal de filhos,
que a muito custo estudam em Escola Publica,
como lá não tem uniforme, as vezes infelizmente,
as lindas crianças vão pra lá feitos maltrapilhos.

Sua abnegada Esposa, pra amenizar a carestia,
vende perfumes de uns dos “ reis da mídia “,
mas sabe o quanto é difícil, levar a vida
nesta ingrata perfídia .

Ele ganha um péssimo salario,
mas pertence é uma profissão,
que parece mais uma
confraria de sectários.

Enfim, Ele é um policial,
que quando chega na guarnição,
ao vestir o fardamento,
sofre a “ grande metamorfose “
e passa a ser um típico ser da “ raça ariana “,
e agora já não se preocupa mais,
com a triste vida que leva, com os seus,
naquela comunidade suburbana.

E quando sai as ruas, para oprimir,
seja na periferia, na escola ocupada,
ou nas manifestações contra
seus algozes comandantes,
não tem pra ninguém.
é bala,cacetada, bomba de gás moral,
e não passa pela sua cabeça,
de tais atitudes se redimir.

E no fim do dia, agora de trajes civis,
volta pra comunidade,
ciente que desta “ metamorfose “
tem total imunidade.

( 10/05/2016 )

  

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Teu corpo é a noite onde me escondo...

Porque  minha alma é louca
quero a tua noite
porque é de ti que me vem o fogo...

Busco um toque teu perdido na noite
vem toca-me,não me dês o teu silêncio
não esqueças a noite carregada de desejos...

A noite fala e só nós dois a entendemos
podes chegar apenas pela madrugada com um beijo
teu corpo é a noite onde me escondo....

Manuel Marques (Arroz)

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Livre-arbítrio




Quando Benjamim tomou consciência de que tinha o poder de tomar decisões seguindo somente seu próprio discernimento e que a confiança excessiva em si mesmo era a raiz de todos os males que o afligiam, deu o primeiro passo para a própria liberdade. Este sim, ele acreditava ser um pilar indispensável para que pudesse livrar-se do absurdo desespero em que havia se tornado sua existência.
Às condições sob as quais vivera até então, não lhe permitiram ser um homem livre, pois, suas escolhas não eram verdadeiramente suas. As pessoas, incluindo a si mesmo, são treinadas, educadas ou mesmo forçadas a aceitarem um determinado conceito de liberdade e se contentavam relativamente bem diante da servidão, em vez de quererem ser verdadeiramente livres; permaneciam com aquilo que sempre conheceram, temendo que qualquer modificação pudesse apenas piorar as suas condições de vida.
Benjamim via na sociedade o espetáculo em que todo tipo de deboche é apresentado como se fosse “moderno” e “livre”. O indivíduo completamente depravado e viciado considera-se livre, puramente porque a lei não proíbe o seu estilo de vida, pois, esta mesma lei lhe dá a liberdade de deixar-se escravizar.  E isso nada tem a ver com a liberdade autêntica. A presunção de conhecer o Bem e o Mal tornou o homem cativo da mortalidade. A liberdade genuína está diretamente ligada à verdadeira imortalidade. Acreditava que essa situação pode ser revertida.
 Ele sabia que um importante elemento da liberdade é a capacidade de ter uma genuína escolha livre. Entretanto essa escolha não deve ser somente entre poderes ou forças externas, mas deve envolver o íntimo do próprio indivíduo. Por outro lado, talvez lhe fosse dada a oportunidade de escolher o Bem, por exemplo, mas, se ele mesmo estiver escravizado pelo mal, será forçado, por compulsão íntima a continuar escolhendo o mal. Teria feito uma aparente livre escolha, mas já havia se decidido, mediante fatores subjetivos.
Sua presunção é um fator importante em tudo isto, visto que leva o homem a perder sua capacidade de vontade livre. Assim, o homem escolheria livremente o mal, mas não o bem, pelo que não o escolheria mesmo.
A liberdade de escolha do homem confere-lhe uma posição especial no universo, acima de todas as demais criaturas. Benjamim acreditava que a fonte da liberdade na vida estava no poder libertador do elemento místico – a relação do homem com Deus - para solucionar, de uma vez por todas, a questão da potencialidade humana.
A liberdade e o que se segue (a responsabilidade) é uma das principais características da existência humana. A liberdade não somente existe, mas também é inevitável e, infelizmente, com frequência, mostra-se desastrosa. Nem sempre a liberdade leva à bondade e ao benefício. O homem espiritual encara a missão de Cristo, ou a bondade de Deus, como garantidoras de um bom resultado, porém, os homens presos a doutrinas religiosas vê um mundo pessimista misturado em meio a uma liberdade indefinida e sem sentido – e cheio de culpa. É ilusão pensar que a essência do controle de toda a vida social e pessoal do homem é a submissão de todos, salvo um punhado, a uma autoridade humana sobre a qual não pode existir restrição alguma. 
Quem possui um caráter fraco sempre vive escravizado por sua presunção, por mais que declare, em altos brados, a sua liberdade, que é falsa. O caráter espiritual, e não o religioso, é que leva os homens a escolherem a bondade e a retidão, bem como à liberdade genuína.
Benjamim não era ingênuo. Ele tinha consciência de que ninguém é inteiramente livre, mesmo sob circunstâncias ideais, visto que precisa viver em uma comunidade, cedendo aos direitos e desejos de outros seres humanos. Antes de tudo, quem é livre é livre na mente e, em seguida, nos atos e nas condições.
Para ele, era patente que o grande adversário da verdadeira liberdade é a presunção de possuir o conhecimento de modo absoluto, o que resulta na sua degradação, porquanto o homem que é escravo de desse sentimento não é livre, sendo antes um cidadão dos poderes ligados ao mal.
A liberdade espiritual é mais importante que a liberdade pessoal e a política.
Embora a presunção tenha embotado a capacidade do homem de fazer escolhas, de tal modo que é verdade que ele escolhe facilmente o mal, ao passo que só dificilmente ele escolhe o bem, também é verdade que o homem pode escolher, realmente, o bem. E só será uma pessoa responsável se o fizer.
O homem é capaz de fazer escolhas entre o bem e o mal, desde que para isso seja capacitado pelo elemento místico; o Espírito de Deus se posta ao lado do homem liberto da presunção de tudo saber, quando vê a mais tênue reação favorável ao bem.
O homem é um ser criativo. Os sistemas religiosos têm dado pouco valor ao ser humano, referindo-se a ele como um verme, totalmente depravado e impotente. Porém, a experiência humana não concorda com essa avaliação. De fato, as evidências demonstram que o homem não somente é capaz de fazer livre escolha, mas também é criativo, que pode transformar tanto a si mesmo quanto ao seu meio ambiente e ao seu destino. Até onde Benjamim era capaz de ver as coisas, essas são qualidades que o ser humano possui, devido ao fato de haver sido criado segundo a imagem de Deus. O poder libertador da relação com Deus na vida do homem soluciona de uma vez a questão da potencialidade humana.
Apesar do egocentrismo do homem, importante aos seus próprios olhos, preocupado somente consigo mesmo, autoindulgente e justo perante seu próprio conceito, também é objeto do amor universal de Deus e da missão todo-poderosa de Jesus. Esses elementos divinos vencem a todas as possíveis barreiras humanas.
Considerar todos os homens por causa da má escolha do primeiro Homem, sem qualquer recurso provido pelo Senhor é perder inteiramente de vista o significado da missão de Cristo. Essa missão tem um alcance universal, na terra e em qualquer outro lugar. Mas, um sistema religioso fecha qualquer dessas portas. Não obstante, sabemos que apesar dessa capacidade, oferecida por Deus, mediante a missão de Cristo, muitos acabam mesmo preferindo o mal. Mas, há aqueles que nunca se deixarão conquistar.
O sistema religioso legalista, baseado em doutrinas humanas, aponta para a santidade, mas não tem a capacidade de produzi-la.
O ser humano tem necessidade de ter liberdade suficiente para libertar-se de seu egoísmo e, só então, poder amar e servir ao próximo.

Continua...

EP. Gheramer





  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Mágoas...

A palavra saudade é a mais sentida
e o amor que sinto
não é mais que uma ferida...

Tu estás em mim
porque em cada lugar te sinto
e as mágoas que eu tenho são tuas também...

São mágoas que sangram
com raiva do amor
sinto-as nas minhas entranhas
dilaceradas pela dor...

Manuel Marques (Arroz)

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Poema à Mãe

Poema à Mãe
No fundo de teus olhos
Me encontro reflectida …
Não te posso trair …
Porque senão me traio a mim…
Minha alma não é mais do que o reflexo de tua em mim…
Meu retrato tantas vezes adormecido em tua memória,
Acorda nos rumores de minhas memórias de ti …
Teu choro incontido pelas dores por mim vividas,
Sei mãe que o teu amor,
Infinitamente grande te torna infeliz pelo longo silêncio ao longo dos anos…
Momentos cristalizados nos retratos da vida… sorrisos adiados,
Tornados pesadelos...
Cresci e meus irmãos também…
Tu ficaste parada esperando…
Nossos pedidos…anseios…
Medos…Apelos…
Surdos são e só te deixam lágrimas
Rosas cheias de espinhos…
Tuas lágrimas …
Ecos surdos de tanto amor…
Sentido apenas de forma irreversível, no dia te tua partida …
Teus filhos ingratos te esqueceram
e teus tão maravilhosos afagos…
Beijos e sorrisos…
Felicidade profundamente 
Sentida…apenas por nossa Mãe,
Sentida pelas Mães...Iemanjá, Oxúm
 E...nosso Grande Pai Oxalá!
Não me posso despedir…porque me espelho em teus olhos,
Em tuas lágrimas...e teu terno amor me lembro…
Quero-a junto de meu peito…
Por isso, sinto suas asas amorosas ....
Batendo fortemente em meu coração,
Cada vez mais e mais permanente…
Grande e profundo amor de minha Mãe!

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

De Joelhos...

De joelhos me coloco por ti… Mãe!
Bendita sejas porque sem ti nada sou…
Bendita sejas…
Alimentaste-me com teu amor,
Teu leite me confortou
sempre que dele precisei,
Teus braços me acarinharam...
Contra ti me apertaram,
Segura, em teu peito, me senti…
No teu peito...
Terno e amoroso
Encontrei, o paraíso, em meus sonhos!
O meu sono vigiaste
Sempre que no teu colo adormeci!
Teu amor me transformou
Numa criança feliz, 
Terna e amorosa…
Numa mulher amante da vida,
Cheia de paixão bebida 
Na tua fervente dedicação…
Mãe grande…
Bendita sejas,
Teus beijos sempre doces
Mesmo que banhados em lágrimas de tristeza e dor…
Bendita sejas…nada se igual a ti…
Amor de mãe…
Maria de meu coração!

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

Publicações populares